De Vulcões ao Mar VCW_D_SC_T2_BurneyFalls.jpg_KG
Burney Falls by Kodiak Greenwood

Trip 4 dias 10 stops

De Vulcões ao Mar

Esta impressionante road trip começa na capital do estado, Sacramento, e depois segue para o selvagem canto nordeste da Califórnia, uma região de vulcões que são seguros de se visitar, como o Mount Shasta e o Lassen Peak no Parque Nacional Lassen Volcanic. Descubra ruidosas cataratas em sossegadas trilhas, sem multidões, alugue uma casa-barco em um lago brilhante. Depois, siga direto para o oeste por quilômetros de florestas espetaculares para sentir a história do Velho Oeste em Eureka, uma cidade que floresceu na Corrida do Ouro e é agora cheia de galerias de arte e cervejarias artesanais.

De Vulcões ao Mar Sac_StateCapitol_1280x642
State Capitol

Sacramento

1
Sacramento
Passado de ouro, futuro brilhante

Comece sua viagem no centro do estado, onde fica sua capital, Sacramento. Do mesmo modo que ocorreu com muitas cidades, Sacramento passa por um renascimento vigoroso. Jovens adultos em busca de agitação urbana estão se mudando para esta discreta cidade, com microcervejarias, pubs gastronômicos e butiques descoladas que estão surgindo repentinamente para atendê-los. Chefs premiados têm ganhando atenção pela preferência dada ao uso de ingredientes locais. As relações entre os restaurantes e as fazendas e ranchos dos arredores não se tornaram uma inovação, mas uma regra. O calor do verão cria um dos anoiteceres mais agradáveis do estado, quando os moradores se sentam em elegantes varandas de casas da era vitoriana, e as crianças correm pelos parques até o sol se por.

Sendo a capital do estado, há muita coisa acontecendo, e o encontro de grupos animados ao redor do Capitol é comum. Os museus estão amplamente centralizados na área de Capitol Mall e na histórica Old Town Sacramento, região renovada ao longo do Rio Sacramento e que foi um centro importante durante a Corrida do Ouro. Circular por todos esses locais diferentes é fácil e os engarrafamentos são passageiros. A League of American Bicyclists concedeu medalha de ouro para Sacramento pela facilidade no uso da bicicleta. A cidade é um ótimo lugar para ser explorada em duas rodas, com amplas pistas e ciclovias pavimentadas ao longo dos rios American e Sacramento. Também há um conveniente sistema de metrô de superfície conectando todos os lugares da cidade.

Agora sua viagem pela estrada segue para o norte, pela Highway 49, para começar uma aventura divertida e fascinante por algumas das cidades mais importantes da Corrida do Ouro e também por excelentes destinos, com restaurantes inovadores, vinhos premiados e charmosas lojas e pousadas.

Mais ideias
Próxima Parada
Nevada City (98km; 1h5min)
De Vulcões ao Mar SierraNevadaBrewing_MattKern_1280x642
Matt Kern/Flickr

Cervejaria Sierra Nevada em Chico

2
Cervejaria Sierra Nevada em Chico
Um brinde aos fabricantes de cerveja da Califórnia que redefiniram a arte da Ale

Depois de passar por amplas áreas agrícolas, a cidade de Chico é um destino convidativo. É sede de uma universidade estadual. E onde há estudantes universitários, provavelmente há cerveja. Neste caso, cerveja muito boa. 

Sinta o sabor de onde começou a atual onda de cervejas artesanais — não apenas em Chico mas em todo o estado — visitando o complexo que inclui sala de degustação, restaurante e bar da Sierra Nevada Brewery. Faça um passeio por conta própria ou participe de uma visita guiada, com opções que incluem um tour sobre sustentabilidade, apresentando a maior instalação solar particular da Califórnia, e uma visita aprofundada (limitada a 5 amantes de cerveja) sobre o funcionamento interno de uma cervejaria. Não é necessário participar de nenhum tour para se refrescar com um copo no Taproom & Restaurant à sombra de uma cobertura de treliças. A Cervejaria Sierra Nevada estimula a abertura de outras cervejarias artesanais pela região — e o fato de se tratar de uma cidade universitária ajuda. Faça uma parada no Handle Bar para uma ótima seleção de cervejas artesanais em máquinas de chopp.

Para exercitar as pernas, siga para o belo parque Bidwell de Chico, com boas piscinas para mergulhar e trilhas em desfiladeiros selvagens. Então abasteça o carro e siga rumo ao norte, para seguir por uma rota atraente que liga fazendas e pequenos fornecedores de alimentos.

Próxima parada
Tehama Trail (/48km; 33min)
De Vulcões ao Mar VCW_D_SC_T5_35a6028_KG_sized_2
Kodiak Greenwood

Trilhas de Tehama

3
Trilhas de Tehama
Visite fazendas e sítios ao longo do rio Sacramento

Continuando para o norte, a partir de Chico, descubra uma região surpreendentemente exuberante próxima ao rio Sacramento, com muitas árvores e clima fresco. O solo rico e a água em abundância fazem desta área fértil o principal local para fazendas e ranchos, e muitos proprietários convidam os visitantes a entrar e comprar alimentos frescos, azeites de oliva artesanais e outros produtos locais. 

Estabelecida por fazendeiros locais, a Trilha Tehama serpenteia comunidades rurais, conectando cerca de vinte vinhedos, pomares, fazendas de gado alimentado com capim e que trabalham com outros produtos animais. Embora você possa acessar a estrada em qualquer ponto, a rota de carro começa tecnicamente em Corning, cidade que foi produtora de azeitonas por gerações. Faça uma parada no icônico Olive Pit, para experimentar as tradicionais azeitonas pretas e verdes, ou experimente opções mais exóticas, como azeitonas sicilianas recheadas com queijo, ervas e alho. Siga para a elegante e iluminada sala de degustação em Lucero Olive Oil, para experimentar azeites artesanais, vinagres e comprar presentes de alta qualidade.

Continue pela Trilha Tehama para provar e comprar tomates heirloom, pêssegos e ameixas suculentas, além de amoras recém-colhidas, bem como tortas frescas e mel. Passe pela vinícola New Clairvaux Vineyard, na pequena Vina, ao sul de Redding, onde monges trapistas (sim, monges) convidam você a experimentar sua Barbera, Pinot Grigio e outros varietais em uma grande sala de degustação que fica nas instalações de um monastério. 

Continue ao longo da trilha de Tehama para provar e comprar tomates de relogio, pêssegos e ameixas de sucos e peixinhos, e bagas bem escolhidas, além de tortas frescas e méis. Swing pela New Clairvaux Vineyard na pequena Vina, ao sul de outro Redding, onde monges trapistas (sim, monges) convidam você a provar seus Barbera, Pinot Grigio e outras variedades de vinho em uma grande sala de degustação que fica no terreno do mosteiro.

Sua viagem pela estrada agora segue para leste e para o norte, por algumas das regiões mais incríveis e selvagens da Califórnia. Primeiro, uma passada pelo extraordinário rancho para visitantes e ultra-familiar próximo à entrada sul do Parque Nacional Lassen Volcanic.

Próxima Parada
Parque Nacional Lassen Volcanic (114km; 1h17min)
De Vulcões ao Mar LassenVolcanicNatlPark_MikeScott_1280x642
Mike Scott

Drakesbad Guest Ranch no Parque Nacional Lassen Volcanic

4
Drakesbad Guest Ranch no Parque Nacional Lassen Volcanic
Veja onde a terra ainda borbulha

O Lassen Peak, geralmente coberto de neve durante todo o ano, começa a surgir no horizonte conforme você segue em direção ao leste. Um vulcão marcante, em forma de triângulo, surgindo sobre campos e erguendo-se suavemente, pontuado por carvalhos e grandes rochas vulcânicas. O Lassen Peak ainda está ativo (a última erupção foi em 1917), mas lagos de lama borbulhante, gêiseres em ebulição e outras características são vistas de uma maneira que mantém os visitantes seguros.

A região fica mais escarpada e espessa, com florestas de coníferas, a medida em que você chega à cidade de Chester, porta para a entrada sul do Parque Nacional Vulcânico Lassen. Entre no parque e percorra um trajeto de cerca de cinco quilômetros até o Drakesbad Guest Ranch. Esta hospedaria de 1900 oferece acomodações agradáveis e alguns bons extras: serviços de massagem e passeios em trilhas com guia, além de um restaurante e um bar simpático, perfeito para tomar uma cerveja depois de uma caminhada, mesmo se você não for hóspede. Há um atraente clima rústico neste remoto ambiente, com lâmpadas de querosene iluminando a maioria das cabanas, confortáveis cadeiras de madeira posicionadas diante de vistas maravilhosas e trilhas que partem dali para todas as direções. As taxas incluem a hospedagem e todas as refeições, com o incontestável estilo interiorano: imagine um salmão grelhado ou uma costela para jantar; e os melhores vinhos.

A atração mais cobiçada do rancho é sua piscina de fontes quentes, conhecida como Banho de Drake (Drake's Bath). Durante o dia, a temperatura é resfriada até um nível confortável para nadar, mas à noite a água naturalmente aquecida cria uma gigante banheira quente. (Dica exclusiva: Você pode usar a piscina, mesmo se você não for um hóspede com pernoite; basta que você tenha feito reservas para jantar em uma noite específica). Drakesbad fica na região do parque de Warner Valley (acessada pela cidade de Chester). Peça à equipe do rancho orientações sobre como chegar a atrações vulcânicas, como a área geotérmica Devil's Kitchen, o Boiling Springs Lake e o Terminal Geyser.

Volte por seu caminho até Chester, então vire para o oeste do parque e siga os sinais para a entrada principal e para o centro de visitante Kohm Yah-mah-nee.

Próxima Parada
Bumpass Hell (10km; 20min)
De Vulcões ao Mar VCW_D_Lassen_T2_BumpassHell_1280x642
Kodiak Greenwood

Bumpass Hell/Parque Nacional Vulcânico Lassen

5
Bumpass Hell/Parque Nacional Vulcânico Lassen
Visite a maior concentração de recursos hidrotermais do parque

Inferno é um termo apropriado para fazer parte do nome Bumpass Hell. Aqui você vê a geologia em ação — 6,5 hectares de fontes em ebulição, valas de lama e aberturas que liberam enormes quantidades de vapores vulcânicos.

O pioneiro Kendall Vanhook Bumpass foi um explorador que teve a infelicidade de, literalmente, tropeçar nestes recursos hidrotermais na década de 1860: a descoberta incluiu pisar em uma poça fervente, que queimou sua perna. 

Nos dias de hoje, os visitantes não precisam ter este tipo de preocupação. Uma trilha fácil e bem sinalizada os conduz até a região geotérmica (cerca de 5 quilômetros entre ida e volta, mas o esforço vale a pena). No caminho, uma curta trilha leva até uma deslumbrante paisagem de picos: na verdade, eles são o que resta de um enorme vulcão chamado Mount Tehama, que explodiu há aproximadamente 500.000 anos. Seu nariz vai sinalizar que você está próximo de Bumpass Hell. O cheiro de ovo podre, resultante dos gases produzidos naturalmente, é penetrante, bem como o barulho: um estranho ruído criado por todas as valas de lama em erupção e pelas piscinas borbulhantes. A trilha de Bumpass Hell permite que você caminhe em segurança ao redor delas, ao contrário do pobre Sr. Bumpass.

Próxima parada
Burney Falls (103km; 1h23min)
De Vulcões ao Mar VCW_D_SC_T2_BurneyFalls.jpg_KG
Kodiak Greenwood

Burney Falls

6
Burney Falls
Visite uma cascata enorme apelidada de "oitava maravilha do mundo"

Uma das cachoeiras mais espetaculares entre todas as do oeste dos Estados Unidos, esta cascata de quase 40 metros de altura parece surgir do nada. Localizada 97 quilômetros a nordeste de Redding, em uma área que à distância parece uma coleção de cones de cinzas desgastados e amplas planícies sob um céu sem nuvens, Burney Falls é uma das maiores surpresas da Califórnia. Não surpreende que o 26º presidente americano, Teddy Roosevelt, a tenha chamado de "oitava maravilha do mundo".

Siga uma trilha curta até a vista principal no Parque Estadual McArthur-Burney Falls Memorial. Você vai precisar falar mais alto (ou ficar satisfeito em silêncio): o amplo paredão de água está à sua frente, lançando-se sobre um relevo musgoso, espirrando na superfície coberta por samambaias, refletindo arco-íris pelos dois lados e finalmente mergulhando com tanta força e rapidez em uma límpida piscina que você consegue ver canais de bolhas de ar alcançando profundezas abaixo da superfície. As principais quedas têm sua origem no topo da falésia, mas grandes volumes de degelo também jorram da superfície rochosa vulcânica, semelhante a uma peneira. Siga a trilha até a piscina — para onde você provavelmente vai olhar, mas somente vai tocar rapidamente: a água nunca chega a passar muito acima de 5,5°C. Os pescadores não parecem se importar com o frio; a grande piscina na base e o Burney Creek acima e abaixo da cascata são famosos pela prática da pesca.

O passeio pela região vulcânica da Califórnia leva agora para o noroeste, para o inesquecível Mount Shasta, uma das montanhas mais altas da Califórnia.

Próxima parada
Mt Shasta (85km; 53min)
De Vulcões ao Mar VCW_D_SC_T6_Mt Shasta_Kodiak__35a2159_1280x642
Kodiak Greenwood

Mount Shasta

7
Mount Shasta
Vivencie campos de flores silvestres e de neve, além de uma vibe new age

Se o céu estiver limpo, este enorme pico, sempre coberto pela neve, será tudo o que você verá enquanto dirige em direção ao noroeste, uma gigantesca elevação a partir do plano fundo do vale, chegando a surpreendentes 4.322 metros de altura. E, enquanto algumas montanhas se elevam gradualmente, esta sobe a partir das planícies ao redor com tamanha imponência, em formato cônico e coberta de neve, que quase parece irreal: a perfeita tradução da fantasia de uma criança de como deveria ser uma montanha. (O famoso naturalista John Muir escreveu que seu "sangue virou vinho" quando ele viu o majestoso pico pela primeira vez). Chegar ao topo da montanha é para os alpinistas mais ousados; pergunte sobre serviços de guia na loja externa The Fifth Season, na cidade de Mount Shasta, um lugar de vibe new age no lado oeste da montanha. (Entenda o clima da cidade no Crystal Room, uma festa visual repleta de prismas).

Felizmente, você não precisa conquistar o pico para aproveitar esse paraíso alpino. Fáceis trilhas ziguezagueiam por campos repletos de flores silvestres, entrando em tranquilas florestas. Uma das mais belas trilhas, um suave percurso de 3,2 quilômetros ao longo do McCloud River, ao sul das montanhas, leva até um trio de cachoeiras — todas belas, embora Middle Falls seja a mais deslumbrante. Também há acampamentos, cavernas e pesca com mosca de classe internacional. Na maioria dos invernos, também é possível esquiar no discreto Mt. Shasta Ski Park, no declive no oeste da montanha.

Sua jornada agora começa na parte sul, antes de ir rumo ao leste, para a costa do Pacífico. A primeira parada é em um de lagos usados para lazer mais populares da Califórnia, o enorme Shasta Lake.

Próxima Parada
Shasta Lake (87km; 55min)
De Vulcões ao Mar VCW_D_SC_T3_ShastaLake_Kids.jpg_KG-1280x642
Kodiak Greenwood

Shasta Lake

8
Shasta Lake
Alugue uma casa-barco para explorar a maior represa do estado

Passe o dia explorando este amplo reservatório de 12.140 hectares, o maior da Califórnia. Em um dia normal de verão, as águas azuis cristalinas ficam repletas de barcos de pesca, jet skis, câmaras de ar — quase tudo o que flutua. Cerca de 595 km de praias envolvem este lago espelhado, ideal para lançar âncora e pescar robalos, croppies, bagres e esturjões. 

Ainda melhor, planeje ficar por uma noite (ou mais) alugando uma casa-barco de luxo. Os aluguéis em marinas e resorts ao redor do lago variam de modelos básicos, com acomodações confortáveis, a palácios flutuantes de múltiplos andares, com spas de hidromassagem, cozinhas gourmet e suítes master com TVs de tela plana. 

Você pode querer iniciar sua visita escutando "This Land is Your Land", a ode de Woody Guthrie aos EUA, que ele escreveu enquanto ajudava a construir a barreira de concreto da represa.

Outras paradas que valem a pena ao redor do lago incluem um passeio grátis de pouco mais de 180 metros na represa Shasta, a segunda maior barragem do país. Você pode querer iniciar sua visita escutando "This Land is Your Land", a ode de Woody Guthrie aos EUA, que ele escreveu enquanto ajudava a construir a barreira de concreto da represa. Mais uma aventura oferecida durante o ano inteiro: faça um passeio guiado pelas cavernas do lago (Lake Shasta Caverns), um fascinante mundo subterrâneo de 250 milhões de anos e somente acessível por barco (transporte incluído no passeio).

Depois de brincar no Shasta Lake, vá para o sul visitar a simpática e tranquila cidade de Redding, lar de uma das pontes mais impressionantes da Califórnia.

Next Stop
Redding (13km; 11min)
De Vulcões ao Mar FF_VCW_D_SC_T4-Sundial Bridge_i-8p9WWv_R-L.jpg_KG
Kodiak Greenwood

Sundial Bridge em Redding

9
Sundial Bridge em Redding
Passeie por uma ponte futurista sobre o Rio Sacramento

Uma obra de arte funcional, a notável ponte projetada pelo renomado arquiteto espanhol Santiago Calatrava cruza o Rio Sacramento — cheio de trutas e de árvores ao longo de sua margem — dentro do Turtle Bay Exploration Park, parque na cidade de Redding. A extensão de 213 metros da ponte é realmente impressionante, com sua calçada feita de blocos de vidro e elevada torre branca, além de cabos de suspensão que formam um relógio de sol em funcionamento, uma referência à criatividade e à genialidade humanas, ambas importantes temas do parque de cerca de 120 hectares.

Antes de cruzar a ponte, visite o centro de visitantes ao lado. Na parte externa, o Paul Bunyan's Forest Camp ensina às crianças como era ser um dos primeiros lenhadores na região. Também há atividades com uma tradicional casa de casca de árvore dos índios americanos. Dentro, mostruários interpretativos apresentam a vida selvagem e a história natural locais.

Agora atravesse a Ponte Sundial. Se houver pescadores nas proximidades, espere alguns minutos e você provavelmente os verá pegar um peixe ou outro. (O rio aqui é repleto de trutas.) No extremo da ponte, do outro lado do museu, relaxe nos jardins resistentes à seca nativos da Califórnia, nos 81 hectares do McConnell Arboretum & Botanical Gardens. Ou alugue bicicletas ou faça um passeio guiado de segway para seguir trilhas à beira-rio.

Sua viagem pela estrada termina com um trecho por florestas escarpadas, passando por lagos brilhantes e rios com curvas, para alcançar às frias florestas litorâneas de sequoias antes de chegar à cidade costeira de Eureka.

Próxima parada
Eureka (238km; 3h4min)
De Vulcões ao Mar EurekaCarsonMansion.CourtesyRedwoods.info__0
Cortseia de Humboldt County CVB

Eureka

10
Eureka
Natureza e cultura se fundem neste porto vitoriano energizado pela arte

Depois de tanta vida selvagem na primeira metade da sua viagem, Eureka é uma animada e convidativa mudança de estilo. Esta antiga vila portuária, a maior cidade litorânea entre San Francisco e Portland (no estado de Oregon), tem um charme que se divide entre: um senso de história, com um centro histórico vitoriano belamente restaurado; um porto ainda em funcionamento, onde velhos barcos de pesca chegam e partem dessa área protegida, para abastecer os caminhões que circulam pela cidade; e uma vibração universitária eco-friendly, graças à Humboldt State, universidade na cidade vizinha de Arcata. Centenas de casas do século 19 enfeitadas — como a mansão Carson, um protótipo da arquitetura no britânico estilo Queen Anne, que agora abriga um clube no fim da Second Street — refletem a prosperidade dos anos de formação da cidade, quando a atividade madeireira reinava. Eureka inteira é considerada patrimônio histórico do estado, uma mistura cativante de natureza e cultura com uma sensação de cidade pequena.

Comece sua visita à beira-mar, onde uma bela esplanada oferece lindas vistas do porto e da vizinha Baía de Humboldt. Visite o pequeno museu naval e depois suba a bordo do MV Madaket, uma balsa confortável que desde 1910 faz passeios de 75 minutos pela baía. Em Old Town, a parte histórica, conheça o excelente Centro de Turismo de Humboldt Bay (Humboldt Bay Tourism Center). Aí é possível experimentar vinhos, cervejas e ostras locais, pedir dicas de galerias, lojas de presentes e restaurantes próximos e agendar passeios e aventuras guiadas.

Eureka também é considerada a porta de entrada ao sul para conhecidas reservas, como os Parques Históricos Nacional e Estaduais Redwood (Redwood National & State Historic Parks), declarados Patrimônio Mundial e alguns dos lugares mais inesquecíveis da Califórnia. Continue até lá para sua próxima parada.