Destaque: Parque Estadual Anza-Borrego Desert VCW_D_Anza_Hero_Miguel Vieira_14619272047_817d665852_o_1280x642
Harriot Manley/Sunset Publishing

Sul da Califórnia

Destaque: Parque Estadual Anza-Borrego Desert

Destaque: Parque Estadual Anza-Borrego Desert vca_maps_deserts_0
17
November
Average (°C)
Sept - Nov
38°
High
10°
Low
Dec - Feb
22°
High
6°
Low
Mar - May
33°
High
6°
Low
June - Aug
41°
High
20°
Low

O nome composto do parque é uma junção do sobrenome do famoso explorador espanhol Juan Bautista de Anza, que cruzou este deserto em 1774, e a palavra 'borrego', que em espanhol quer dizer carneiro, em alusão à espécie selvagem desse animal, nativa da região. Este deserto, o maior parque estadual da Califórnia, protege mais de 240.000 hectares de terras áridas, oásis de palmeiras, cânions estreitos e colinas cobertas de cactos. O parque é uma aula prática de geologia, ainda sofrendo alterações causadas pela erosão e por enchentes-relâmpago. Um lugar selvagem e remoto, com acesso apenas a pé ou por rodovias primitivas (considere alugar um veículo alto com tração nas quatro rodas para ter melhor acesso). Mas a recompensa é um silêncio impressionante e uma beleza inesquecível.

Comece a sua viagem ao norte de Borrego Springs, no centro de visitantes do parque, construído no subterrâneo para que a temperatura interior seja mais agradável. Saiba mais sobre este parque fascinante e receba dicas dos locais a visitar. Os carneiros selvagens frequentemente são vistos perto das trilhas para Palm Canyon.

Destaque: Parque Estadual Anza-Borrego Desert VCW_D_Anza_T1_Lars Dugaiczyk_3366316866_2310490b68_o_1280x642
Lars Dugaiczyk/Flickr

Borrego Badlands e Font's Point

Destaque: Parque Estadual Anza-Borrego Desert vca_maps_deserts_0
Borrego Badlands e Font's Point
Vistas arrebatadoras de um deserto esculpido

No nascer e no pôr do sol, as peculiares cadeias montanhosas de Borrego Badlands fazem sombra em um labirinto de colinas douradas e riachos de areia colorida. À medida em que você observa esta paisagem árida, tenha em mente que toda a vista foi moldada pela água. Conchas fossilizadas encontradas na região comprovam que o local, no passado, esteve submerso por uma combinação das águas tropicais salgadas do Golfo da Califórnia e da água fresca do Colorado River. Os cientistas supõem que este mar de água salobra era abundante em vida marinha: habitat de peixes, tartarugas-marinhas e tubarões.

Um dos melhores pontos para observar a cena surreal de Badlands é o Font's Point, apelidado de Grand Canyon da Califórnia. O local é procurado por fotógrafos, principalmente ao pôr do sol ou em noites de lua cheia. Se estiver tentando capturar a luz perfeita, vá com tempo para encontrar um ângulo privilegiado. Saiba que é demorado chegar até lá, pela rodovia arenosa de 6,4 quilômetros, e isso somente é possível com veículos 4x4. Ou deixe outra pessoa dirigir e faça um passeio de jeep, com duração de meio ou um dia inteiro, totalmente guiado pela California Overland Desert Excursions ou pela Borrego Jeep Photo Adventures. 

Para ter outra perspectiva de um ponto de acesso pavimentado, viaje pelas terras áridas mais ao sul, em Carrizo Badlands Overlook (no lado leste da County Route S-2). Pare na estrada, pegue os binóculos e aprecie o cenário esculpido por vento e erosão.

Destaque: Parque Estadual Anza-Borrego Desert VCW_D_Anza_T2_kellinahandbasket468719666_808b16b0e8_o_1280x642
kellinahandbasket/Flickr

Borrego Palm Canyon

Destaque: Parque Estadual Anza-Borrego Desert vca_maps_deserts_0
Borrego Palm Canyon
Caminhe em um oásis coberto pelas sombras de palmeiras

O passeio por trilha mais famoso de Anza-Borrego leva ao Borrego Palm Canyon, um paraíso aquático abastecido por nascentes subterrâneas e coberto pelas sombras da palmeira da Califórnia, a única palmeira nativa do estado. Não é uma grande caminhada (4,8 quilômetros no total, entre ida e volta), mas se parece com uma viagem que vai do deserto aos trópicos. Guie-se para uma região arenosa que contorna um cânion rochoso repleto de cactos dos tipos barril e octillo (procure por beija-flores voando sobre plantas vermelhas). 

Um pouco mais distante, você se deparará com salgueiros exuberantes e o som de pequenas cachoeiras 

Um pouco mais distante, você se deparará com salgueiros exuberantes e o som de pequenas cachoeiras até que, finalmente, as rochas abrem espaço para piscinas profundas cobertas pelas sombras das palmeiras (a folhagem sem poda as deixa um pouco parecidas com o Chewbacca de Guerra nas Estrelas). Uma série de chuvas fortes e enchentes-relâmpagos na década passada acabaram com muitas das antigas palmeiras deste bosque, mas Palm Canyon ainda é a maior floresta de palmeiras em Anza-Borrego. Mais de 80 espécies de pássaros migratórios usam Palm Canyon para obter água, à medida que viajam pelo deserto. O carneiro-selvagem também gosta daqui. Olhe com atenção as cadeias altas de montanhas para tentar vê-los. Se tiver sorte, e muita calma, eles podem aparecer para beber água.

Destaque: Parque Estadual Anza-Borrego Desert VCW_D_Anza_T3_Chris Palmer_3187569735_1e44e4e0b1_o_1280x642
Chris Palmer/Flickr

The Slot

Destaque: Parque Estadual Anza-Borrego Desert vca_maps_deserts_0
The Slot
Esprema-se por entre estreitas paredes feitas de siltito

Anza-Borrego revela a própria alma em The Slot. Esta é uma fenda cortada e aberta pela ação do tempo e da água O agradável passeio pelo estreito cânion é uma divertida aventura no deserto, como uma casa de espelhos criada pela mãe natureza. Além disso, fica somente um pouco ao sul de Borrego Springs — veículos comuns podem passar pela rodovia de terra que dá acesso ao local. O ponto de entrada do cânion não é bem sinalizado, mas evidente. Siga as inúmeras pegadas que descem mais de 6 metros na fenda, vire à esquerda e desça um pouco a colina. Quase que imediatamente o cânion se estreita e você se espremerá por entre paredes que, às vezes, ficam reduzidas a menos de um ombro de largura. A rocha de siltito rosa e bege da fenda, ampliada pelo céu azul , rende boas fotos. Não muito longe da entrada, você passará por uma ponte natural que desafia a gravidade (uma rocha arriscadamente alojada em um espaço estreito), antes que o cânion se abra e encontre uma trilha para veículos 4x4. Daqui você toma o caminho de volta para seu carro, aproveitando a mágica de The Slot novamente.

Destaque: Parque Estadual Anza-Borrego Desert VCW_D_Anza_T4_Harry-Pherson_Flickr_1280x642_downsized
Harry Pherson/Flickr

Borrego Springs

Destaque: Parque Estadual Anza-Borrego Desert vca_maps_deserts_0
Borrego Springs
Estrelas, arte e frutas cítricas em uma cidade descontraída no deserto

Bem no meio do Parque Estadual Anza-Borrego Desert fica a despretensiosa cidade de Borrego Springs, com 3.429 habitantes. É a única cidade da Califórnia totalmente circundada por um parque estadual, o que é apenas um dos motivos de orgulho da população. Também é uma comunidade oficial da International Dark Sky — a primeira na Califórnia — dedicada a proteger o céu noturno da poluição luminosa. Festas para observar as estrelas são realizadas quase todas as noites.

A cidade tem também a temporada da toranja, que começa no fim de dezembro e termina quando todas as frutas são consumidas. Algumas bancas de frutas funcionam na base da confiança: pegue uma sacola, coloque o produto e deposite o dinheiro na caixa.

A área central é um agrupamento de sorveterias, restaurantes e hospedagens, mas a cena de arte local desperta o maior orgulho da comunidade. Primeiro, há os enormes e fantásticos animais pré-históricos que cercam as rodovias, obras em metal do escultor Ricardo Breceda. Também há galerias que expõem mais trabalhos de artistas locais e eventos de pintura ao ar livre; na primavera, tem ainda o Circle of Art Show. Faça sua própria obra de arte durante uma aula de aquarela ou cerâmica oferecida pelo Borrego Art Institute, organização sem fins lucrativos.

Destaque: Parque Estadual Anza-Borrego Desert VCW_D_DE_T5_Anza-Borrego_Manley-1280x642
Em 2009, Borrego Springs foi designada como Dark Sky Community. O título é concedido pela International Dark-Sky Association, associação que combate a poluição visual causada pelo uso excessivo de luz artificial mundo afora
Destaque: Parque Estadual Anza-Borrego Desert VCW_D_Anza_T9_Anthony Citrano_3566054676_f8e8afedaa_o_1280x642
Anthony Citrano/Flickr

Observação de estrelas no Parque Nacional Anza-Borrego Desert

Destaque: Parque Estadual Anza-Borrego Desert vca_maps_deserts_0
Observação de estrelas no Parque Nacional Anza-Borrego Desert
Estenda um cobertor para ver inúmeras estrelas

Entre os observadores de estrelas, a poluição luminosa é equivalente a jogar lixo pela janela do carro. Por isso, a iluminação pública em Borrego Springs é sutil, não reluzente, e o aeroporto local ajustou seus sinais luminosos para as aeronaves em um ângulo voltado para baixo. Os moradores da cidade gostam de ver seus céus iluminados pelos milhões de estrelas brilhantes e pretendem manter tudo como está. Borrego Springs é a primeira International Dark Sky Community da Califórnia, tendo obtido essa distinção ao restringir e modificar as luzes nas ruas públicas, nas empresas e nas varandas dos moradores. Ajuda também a ter esse cenário de céu único o fato de uma alta cadeia montanhosa estar entre as grandes e iluminadas cidades do sul do estado e os mais de 240.000 hectares do isolado Parque Estadual Anza-Borrego Desert. 

Se quiser entender o que está vendo, programe uma noite sob as estrelas com o astrônomo Dennis Mammana da Borrego Night Sky Tours. The Springs at Borrego é um lugar para veículos de passeio com um pequeno observatório, que abriga um telescópio de 11 polegadas de diâmetro e promove exibições e palestras públicas várias vezes ao ano. Em abril, participe de mais eventos durante a Dark Sky Week.

Destaque: Parque Estadual Anza-Borrego Desert AnzaBorrego_pictorgraph_1280x642
Anza-Borrego Desert State Park

Pictogramas de Povos Nativos

Destaque: Parque Estadual Anza-Borrego Desert vca_maps_deserts_0
Pictogramas de Povos Nativos
Descubra as marcas de artistas nativos que há muito se foram

As tribos de nativos americanos que um dia viveram no deserto de Anza-Borrego deixaram um legado de gravuras nas rochas e nos penhascos de todo o parque. Esses primeiros artistas desenharam figuras humanas e animais, círculos de sol, estrelas e outras imagens mais abstratas. Muitos desses desenhos simbolizam locais sagrados onde eles realizavam ritos de passagem ou cerimônias. 

Mais de 50 grandes locais de arte rupestre foram descobertos em Anza-Borrego, mas o parque não divulga todas as localizações, para proteger esses sítios antigos. O lugar de acesso mais fácil para ver esses desenhos em pedra é na trilha Pictograph, em Little Blair Valley. Os carros podem seguir pelas estradas de terra até a trilha. Uma caminhada tranquila leva às rochas enfeitadas por linhas em zigue-zague nas cores amarela e vermelha e por formas de diamante, que foram pintadas pelos índios Kumeyaay há, possivelmente, mais de 2.000 anos.

Destaque: Parque Estadual Anza-Borrego Desert VCW-D_Anza_T6_Randy Heinitz_13500117404_1d869068a6_o_1280x642
Randy Heinitz/Flickr

Esculturas de Ricardo Breceda

Destaque: Parque Estadual Anza-Borrego Desert vca_maps_deserts_0
Esculturas de Ricardo Breceda
Veja criaturas fantásticas observando o deserto

As criaturas se proliferam ao longo da Borrego Springs Road: elefantes pré-históricos. Um dente-de-sabre. Um camelo antigo. Um T-rex e um pássaro de rapina gigante. Não são de carne e osso, mas peças de arte notáveis, às vezes, esquisitas e inquietantes, são alguns dos tipos de obras do escultor Ricardo Breceda, cujas criações divertem e surpreendem os motoristas perto da cidade de Borrego Springs. 

Embora algumas criaturas sejam fantasias ambiciosas, como uma serpente de 350 pés se movendo em uma praia, a maioria das esculturas representa criaturas da vida real que já habitaram essas terras. Em 2008, Breceda foi originalmente contratado por um filantropo local, Dennis Avery, para fazer esculturas para sua enorme propriedade no deserto, conhecida como Galleta Meadows. No entanto, as criaturas se multiplicaram pela cidade. Para encontrar as 130 esculturas de metal cobertas de ferrugem vermelha, escolha um mapa detalhado na livraria da Anza-Borrego Desert Natural History Association, em Borrego Springs (que também é um local bacana para presentes temáticos). 

Destaque: Parque Estadual Anza-Borrego Desert Screen Shot 2014-11-04 at 8.58.27 AM
Metal e Mágica
A paisagem do deserto de Anza-Borrego foi mudada para sempre pelos sonhos e visões do artista de metal Ricardo Breceda, e suas enormes bestas mágicas. #dreambig
Destaque: Parque Estadual Anza-Borrego Desert VCW_D_Anza_T7_Dan Keeney_15430077115_492f84d544_o_1280x642
Dan Keeney/Flickr

La Casa del Zoro

Destaque: Parque Estadual Anza-Borrego Desert vca_maps_deserts_0
La Casa del Zoro
Aconchegue-se em um lugar luxuoso neste refúgio no deserto

Quais são seus planos para hoje? Com seis quadras de tênis e cinco piscinas de natação (mais 19 piscinas privativas), é uma decisão difícil escolher o que fazer neste surpreendente e elegante refúgio no deserto.

Vá até o Fox Den Bar para beber alguns drinks ou veja o pôr do sol no deserto durante um jantar no Butterfield Dining Room.

Originalmente inaugurado em 1937, La Casa del Zorro sofreu alguns estragos, mas uma reforma geral dos quartos na área da piscina e do jardim e das suas casitas deluxe, com um a quatro quartos e piscina ou spa privativo, deixou o resort em excelente forma. Veja o mobiliário no estilo sulista do deserto, banheiros de mármore, persianas de madeira e lareiras quentes para as noites frias do deserto. 

Felizmente, você não precisa se hospedar para curtir esta joia do deserto. Após uma caminhada em Anza-Borrego, vá até o Fox Den Bar para beber alguns drinks ou veja o pôr do sol no deserto durante um jantar no Butterfield Dining Room. Se reservar uma hospedagem, levante-se cedo para caminhar pelo terreno de 17 hectares do hotel. Certamente você verá outros madrugadores: um coiote, um cuco e até mesmo, talvez, uma raposa-anã de grandes orelhas ("zorro" significa "raposa" em espanhol).

Destaque: Parque Estadual Anza-Borrego Desert VCW_D_Anza_T8_Kris Awesome_8087201259_a295638a7f_o_1280x642
Kris Awesome/Flickr

Ghost Mountain

Destaque: Parque Estadual Anza-Borrego Desert vca_maps_deserts_0
Ghost Mountain
Visite as ruínas silenciosas que fizeram parte do sonho de um homem

Quando a maioria das pessoas pensa em viver da terra, a primeira coisa que querem por perto é um bom suprimento de água. Nada diferente do que quis Marshal South, artista e escritor dos anos de 1930 e 40, que decidiu viver em Anza-Borrego's Ghost Mountain. South e a mulher construíram uma casa de tijolos no topo da montanha árida e moraram aqui com os três filhos por 17 anos. A família tentou viver de modo simples, imitando o estilo espartano dos primeiros índios americanos, inventando sistemas para armazenar a água da chuva, cultivando vegetais, colhendo sementes e frutos de plantas do deserto. Para ganhar dinheiro, South escrevia artigos para a Desert Magazine e para Arizona Highways, contando sobre o alternativo estilo de vida na natureza com sua família. South, um australiano que também era um poeta talentoso, inspirou grande quantidade de leitores que, ansiosamente, esperavam pelo próximo capítulo. 

A esposa de South acabou se cansando da vida difícil no deserto e do idealismo ímpar do marido. A família se separou e saiu da montanha em 1947. A curta trilha Ghost Mountain visita a antiga propriedade, subindo por uma série de estradas íngremes até o topo da montanha. Na primavera, a vegetação composta por ocotillos e yuccas promove um espetáculo de cores. No alto, você verá algumas paredes em ruínas, o esboço do que foi uma antiga cama e alguns reservatórios e barris: destroços do sonho utópico de South.

Destaque: Parque Estadual Anza-Borrego Desert VCW_D_Anza_T11_Daniel_8636815462_f1d9f88bc2_o_1280x642
Anza-Borrego Wildflowers by Daniel/Flickr

Flores Silvestres na Primavera

Destaque: Parque Estadual Anza-Borrego Desert vca_maps_deserts_0
Flores Silvestres na Primavera
Abundância de flores silvestres ilumina as areias do deserto

À primeira vista, o deserto pode parecer um lugar inóspito, o que faz com que o nascimento das flores silvestres de Anza-Borrego seja ainda mais milagroso. As mais de 200 espécies de plantas que florescem no parque deixam o local mais brilhante a cada primavera, depois que as chuvas do inverno cumprem seu papel. Tipicamente, a floração ocorre entre o fim de fevereiro e abril, os primeiros dias de março são a melhor data para vê-la. Após o início, a floração dura poucas semanas. Ligue para a linha direta do parque sobre flores selvagens (Wildflower Hotline) para obter informações atualizadas: 760-767-4684.

Em geral, a trilha Borrego Palm Canyon tem boas mostras de ocotillos espinhentos, arbustos amarelo-laranja e alfazema do deserto. Para uma caminhada mais longa, ande por cerca de 4,8 quilômetros no Hellhole Canyon e curta a recompensa: cactos espinhosos e tremoceiros de aroma agradável florescendo, além da cascata em Maidenhair Falls. Se tiver um veículo 4x4, se encante observando dunas de abronias e prímulas perto do lugar que é comumente chamado de Coyote Canyon Jeep Trail, uma estrada de terra ao norte da DiGiorgio Road.

Destaque: Parque Estadual Anza-Borrego Desert SanDiego_RegionOpener_1280x642 copy

Trip 8-10 dias 10 stops

Sul da Califórnia Definitivo

Cidades litorâneas e muitas trilhas
Destaque: Parque Estadual Anza-Borrego Desert LA-GriffithObs-1280x624_0

Sua viagem começa na maior cidade da Califórnia. L.A. tem ação sem parar e muitas coisas para fazer, mas pode ser um desafio se deslocar, então planejar sua viagem com antecedência é uma grande vantagem. Comece pela cidade litorânea de Santa Monica, com uma praia larga e deserta e um cais...

Destaque: Parque Estadual Anza-Borrego Desert KingsCanyonNationalPark_TomHilton_1280x642

Famoso pelas sequoias gigantes, pelas montanhas altas, por profundos cânions e por rios barulhentos, este conjunto de parques oferece muito para se ver, ainda que seja menos conhecido que Yosemite, 120 quilômetros ao norte. Nos limites do parque nacional está o lado oeste do Mount Whitney, o...